• Crime elucidado
  • 08 de Agosto de 2017 - 08:54hs

Defur Mossoró - Acusados de matar empresário para roubar estão na cadeia

Alexandre Alves de Souza e Fabiano Rodrigues do Nascimento, foram presos por ordens da Justiça de Mossoró

Imagem
 Fabiano Rodrigues do Nascimento e Alexandre Alves de Souza foram presos por ordens da Justiça de Mossoró. Divulgação Defur

Agentes da Delegacia de Furtos e Roubos de Mossoró, prenderam os dois principais envolvidos na morte do empresário Antônio Luiz de Albuquerque Neto, “Toni do Serra Boi”, ocorrido no dia 20 de agosto de 2013, no Centro de Mossoró.

Alexandre Alves de Souza e Fabiano Rodrigues do Nascimento, foram presos por ordens da Justiça de Mossoró. Eles foram apontados por um adolescente, como mentores e executores do crime contra o empresário, na Avenida Dix-Neuf Rosado, ao lado do mercado na Cobal, quando o empresário sai do seu comércio em direção a uma agência bancaria, onde iria depositar o dinheiro arrecadado no dia do crime.

Segundo o Delegado Luiz Fernando, da delegacia especializada, os dois criminosos teriam planejado o crime para roubar o empresário. Fabiano, que era funcionário da empresa da vitima, teria passado todas as informações para Alexandre, que matou “Toni do Serra boi”. Para o delegado, foi crime de latrocínio, “Roubo seguido da morte da vítima”.

Alexandre acusado de efetuar os disparos foi preso na ultima sexta feira, no bairro Santo Antônio. Fabiano, responsável por planejar o crime, foi preso na tarde de ontem, 07 de agosto.

No dia 20 de agosto de 2013, por volta das 15 horas, o empresário estava num veículo tipo Saveiro de cor vermelha parado no semáforo da Central de Abastecimento, quando os suspeitos encostaram ao lado do veículo numa moto que estava com a placa amassada. Já com medo de ser assaltado, Toni tentou fugir e acabou colidindo noutro carro que estava na sua frente. Os bandidos efetuaram disparos contra o veículo de Toni e o atingiram na cabeça.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.