• Prisão
  • 05 de Setembro de 2017 - 15:59hs

Denarc de Natal em apoio à Polícia Civil do Rio de Janeiro prendem “matador de policial” na Serra de São Bento

Ele é suspeito de ter participação direta em dois homicídios contra policiais e é investigado contra outros cinco homicídios também contra policiais

Imagem
Denarc de Natal em apoio à Polícia Civil do Rio de Janeiro prendem “matador de policial” na Serra de São Bento - Policia Civil do RN

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) em apoio a 41ª Delegacia de Polícia do estado do Rio de Janeiro juntamente a Polícia Militar da cidade de Serra de São Bento prenderam, nesta terça-feira (05), Carlos André da Conceição, vulgo “mãozinha”, 35 anos. Ele foi preso, na cidade de Serra de São Bento, em cumprimento a dois mandados de prisão.

Mãozinha é suspeito de ter participação direta da morte de dois policiais, um policial civil e um policial militar, e é investigado pelo homicídio de outros 05 policiais. O crime mais recente ocorreu no dia 11 de agosto deste ano, após a data mãozinha empreendeu fuga do estado do Rio de Janeiro para o estado do Rio Grande do Norte, mais precisamente para a cidade de Serra de São Bento onde a sua esposa possui familiares. Ele estava sendo procurado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro e tinha uma recompensa de R$ 50.000 reais.

O policial civil Bruno Guimarães Buhler, conhecido como Bruno Xingu, foi a vítima de mãozinha no crime ocorrido no dia 11 de agosto, véspera do dia dos pais. Ele foi atingido durante um confronto em uma operação da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) na comunidade do Jacarezinho do estado do Rio de Janeiro. As investigações apontam que Mãozinha era um dos líderes do tráfico de drogas na região, ele atuava embalando drogas para a venda.

Desde a última quinta-feira as equipes policiais estavam em diligências procurando Mãozinha, culminando em sua prisão nesta terça-feira sendo dado o cumprimento dos dois mandados de prisão em aberto contra o seu nome. Ele foi conduzido ao estado do Rio Janeiro onde será encaminhado ao Sistema Prisional para ficar à disposição da Justiça.

Confira entrevista com "Mãozinha" e saiba mais sobre a prisão: https://youtu.be/b-cMkz1Z5Lo

3 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  • Anônimo 2 meses ½ atrás

    Bem fácil de resolver é só dar a ele o mesmo destino que ele deu aos policiais.

  • João 2 meses ½ atrás

    jogue este individuo na linha do trem

  • ANÔNIMO 2 meses ½ atrás

    TÁ VIVO AINDA, POR QUE?