• Noticias
  • 06 de Setembro de 2017 - 15:41hs

Trabalhador desaparecido na zona rural de Janduis foi encontrado morto

Henrique Garcia da Silva, 46 anos de idade, desaparecido desde o último domingo

Imagem
Henrique Garcia da Silva, 46 anos

Triste notícia para os seis filhos e esposa do trabalhador Henrique Garcia da Silva, 46 anos de idade, desaparecido desde o último domingo (Relembre) quando se iniciou a caçada aos assaltantes de bancos nas serras entre Janduís e Campo Grande, no RN.

Ele tinha saído de casa da cidade de Janduís para a propriedade de Antônio Veras, no Sítio Serra Vermelha, na zona rural do município para trabalhar como gerente e tinha que passar pelo Sítio de Grosso, local onde aconteceu o confronto com a polícia. A suspeita é que ele foi mantido como refém da quadrilha que explodiu o Banco do Bradesco em Brejo do Cruz, na Paraíba. As informações que chegam ao Icém Caraúbas é que os bandidos sem pena, sem piedade executaram o agricultor com um tiro na cabeça e teve uma das orelhas cortadas.

O corpo do trabalhador foi encontrado em avançado estado de dilaceração nas proximidades do Sítio Creca. A família foi comunicada da trágica notícia nessa tarde, por volta das 15 horas. A Polícia Militar continua na região a procura de mais suspeitos de estarem envolvidos na ação criminosa em Brejo do Cruz-PB.

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  • Anônimo Há 2 meses

    Não merecia ter passado por isso