18 de outubro de 2023 - 17:59

CPMI do 8 de Janeiro aprova relatório que pede o indiciamento de Bolsonaro

Foram 20 votos favoráveis, 11 contrários e uma abstenção com relação ao relatório final da senadora Eliziane Gama (PSD-MA)

📷 Valter Campanato/Agência Brasil/Arquivo

Da Agência Câmara Notícias: A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investigou os ataques às sedes do Três Poderes em 8 de janeiro aprovou há pouco com 20 votos favoráveis, 11 contrários e uma abstenção o relatório final da senadora Eliziane Gama (PSD-MA).

A reunião durou mais de sete horas e já foi encerrada. O relatório pede o indiciamento de 61 pessoas por crimes como associação criminosa, violência política, abolição do estado democrático de direito e golpe de Estado.

Entre elas, o ex-presidente Jair Bolsonaro e ex-ministros do seu governo, como Walter Braga Neto, da Defesa; Augusto Heleno, do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e Anderson Torres, da Justiça.

Também constam da lista de pedidos de indiciamento integrantes do GSI e da Polícia Militar do Distrito Federal e empresários que supostamente teriam financiado manifestantes contrários ao resultado das eleições de 2022, além da deputada Carla Zambelli (PL-SP). A parlamentar reiterou, na última reunião da CPMI, ter sido indiciada sem provas e sem direito à defesa.

Abaixo, os indiciados no relatório final da CPMI:

  • Ex-presidente Jair Bolsonaro;
  • general Braga Netto, candidato a vice-presidente na chapa de Bolsonaro e ex-ministro da Casa Civil e da Defesa;
  • Anderson Torres, ex-ministro da Justiça de Bolsonaro e então secretário de Segurança Pública do DF nos atos;
  • general Augusto Heleno, ex-ministro do Gabinete de Segurança Institucional de Bolsonaro;
  • general Luiz Eduardo Ramos, ex-ministro da Casa Civil de Bolsonaro;
  • general Paulo Sérgio Nogueira, ex-ministro da Defesa de Bolsonaro;
  • almirante Almir Garnier Santos, ex-comandante da Marinha;
  • general Freire Gomes, ex-comandante do Exército;
  • tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens e principal assessor de Bolsonaro;
  • Filipe Martins, assessor-especial para Assuntos Internacionais de Bolsonaro
  • deputada federal Carla Zambelli (PL-SP);
  • coronel Marcelo Costa Câmara, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro
  • general Ridauto Lúcio Fernandes;
  • sargento Luis Marcos dos Reis, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro
  • major Ailton Gonçalves Moraes Barros;
  • coronel Elcio Franco, ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde
  • coronel Jean Lawand Júnior;
  • Marília Ferreira de Alencar, ex-diretora de inteligência do Ministério da Justiça e ex-subsecretária de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do DF;
  • Silvinei Vasques, ex-diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal;
  • general Carlos José Penteado, ex-secretário-executivo do GSI;
  • General Carlos Feitosa Rodrigues, ex-chefe da Secretaria de Coordenação e Segurança Presidencial do GSI
  • coronel Wanderli Baptista da Silva Junior, ex-diretor-adjunto do Departamento de Segurança Presidencial do GSI
  • coronel André Luiz Furtado Garcia, ex-coordenador-geral de Segurança de Instalações do GSI
  • tenente-coronel Alex Marcos Barbosa Santos, ex-coordenador-adjunto da Coordenação Geral de Segurança de Instalações do GSI
  • capitão José Eduardo Natale, ex-integrante da Coordenadoria de Segurança de Instalações do GSI
  • sargento Laércio da Costa Júnior, ex-encarregado de segurança de instalações do GSI
  • coronel Alexandre Santos de Amorim, ex-coordenador-geral de Análise de Risco do GSI
  • tenente-coronel Jader Silva Santos, ex-subchefe da Coordenadoria de Análise de Risco do GSI
  • coronel Fábio Augusto Vieira, ex-comandante da PMDF
  • coronel Klepter Rosa Gonçalves, subcomandante da PMDF
  • coronel Jorge Eduardo Naime, ex-comandante do Departamento de Operações da PMDF
  • coronel Paulo José Ferreira de Sousa Bezerra, comandante em exercício do Departamento de Operações da PMDF
  • coronel Marcelo Casimiro Vasconcelos Rodrigues, comandante do 1º CPR da PMDF
  • major Flávio Silvestre de Alencar, comandante em exercício do 6º Batalhão da PMDF
  • major Rafael Pereira Martins, chefe de um dos destacamentos do BPChoque da PMDF
  • Alexandre Carlos de Souza, policial rodoviário federal
  • Marcelo de Ávila, policial rodoviário federal
  • Maurício Junot, empresário
  • Adauto Lúcio de Mesquita, financiador
  • Joveci Xavier de Andrade, financiador
  • Ricardo Pereira Cunha, financiador
  • Mauriro Soares de Jesus, financiador
  • Enric Juvenal da Costa Laureano, financiador
  • Antônio Galvan, financiador
  • Jeferson da Rocha, financiador
  • Vitor Geraldo Gaiardo , financiador
  • Humberto Falcão, financiador
  • Luciano Jayme Guimarães, financiador
  • José Alipio Fernandes da Silveira, financiador
  • Valdir Edemar Fries, financiador
  • Júlio Augusto Gomes Nunes, financiador
  • Joel Ragagnin, influenciador
  • Lucas Costar Beber, financiador
  • Alan Juliani, financiador
  • George Washington de Oliveira Sousa, condenado por envolvimento na tentativa de atentado ao aeroporto de Brasília
  • Alan Diego dos Santos, condenado por envolvimento na tentativa de atentado ao aeroporto de Brasília
  • Wellington Macedo de Souza, condenado por envolvimento na tentativa de atentado ao aeroporto de Brasília
  • Tércio Arnaud, ex-assessor especial de Bolsonaro apontado como integrante do chamado “gabinete do ódio”
  • Fernando Nascimento Pessoa, assessor de Flávio Bolsonaro apontado como integrante do chamado “gabinete do ódio”
  • José Matheus Sales Gomes, ex-assessor especial de Bolsonaro apontado como integrante do chamado “gabinete do ódio”

Fonte: Blog Carol Ribeiro