Delegacia de Homicídios de Mossoró

Elemento acusado de envolvimento num crime de homicídio é preso em operação da Polícia Civil em Mossoró

Homicidio

Operação envolvendo a Delegacia de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), Delegacia de Narcóticos (DENARC), Delegacia de Furtos e Roubos (DEFUR) com apoio da Polícia Militar, deflagrada na manhã desta quinta feira 22 de abril, em Mossoró RN culminou com a prisão de um homem investigado em um crime de homicídio, ocorrido no dia 12 de dezembro de 2020, ao lado do Viaduto do Santa Delmira em Mossoró RN e teve como vítima, Marcos Fabrício do Carmo da Silva de 23 anos, residente na Rua Zeca Cirilino, Bairro Barrocas foi morto com vários a tiros. 

A investigação  feita pela equipe da DHPP de Mossoró, concluiu que o crime foi praticado por três homens, no qual um deles, que não teve o nome revelado, foi preso nesta operação de hoje. De acordo com o delegado Valtair Camilo de Paiva, a operação de hoje foi deflagrada no Conjunto Santa Delmira e teve o objetivo de dar cumprimento a três mandados de prisão e quatro de busca e apreensão, expedidos pela justiça contra os investigados no crime.

Os mandados de buscas e apreensão foram cumpridos, mas os mandados de prisão, apenas um foi cumprido em ato positivo. Os outros alvos não foram localizados. O delegado Valtair Camilo, informou que as investigações e com o apoio da sociedade, foi possível juntar provas sobre a participação dos três no Assassinato. Para o DPC o crime está praticamente elucidado, tendo em vista que falta a prisão dos outros dois envolvidos.

Segundo a investigação, a motivação do crime, pode está relacionada a uma desavença entre a vítima e acusados e que  após ser baleado ele correu e tomou uma moto de assalto de um policial militar para fugir dos inimigos. Durante a fuga Marcos Fabrício foi morto com cerca de 9 tiros, ao lado do viaduto do Santa Delmira, no Loteamento Três Vinténs. O homem preso na operação de hoje, foi encaminhado à Delegacia de Homicídios e depois de ser interrogado, foi encaminhado ao sistema prisional, onde ficará a disposição da justiça.

Fim da Linha

Nenhum comentário

Comentar