Homicídios Mossoró

Ex-presidiario vítima de espancamento no dia 30 de maio morre no Tarcísio Maia.

95Elivanaldo Gomes da Silva de 33 anos de idade, que residia na Rua Francisco Sales, próximo ao antigo clube extra no bairro Santo Antônio, morreu no final da tarde de ontem, 26 de junho, no Hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró, vítima de espancamento sofrido no bairro Santo Antônio no dia 30 de maio passado. 

>: Popular é encontrado com a cabeça esmagada, mas ainda vivo na Estrada da Raiz em Mossoró

Histórico
Na madrugada do dia 30 de maio, o Samu de Mossoró foi acionado para atender um popular encontrado desacordado e sangrando, ao lado do campo de futebol da Estrada da Raiz no bairro Santo Antônio. A vitima estava sem identificação e apresentando ferimentos graves na cabeça e um hematoma profundo no rosto, provocados por espancamento e ao lado, uma pedra grande com marcas de sangue.

Segundo o Dr Gustavo Cunha, medico do Samu que atendeu a ocorrência, o homem foi encontrado desacordado e como não apresentou qualquer sinal de reação durante os procedimentos, mas como ainda estava vivo, ele foi intubado e conduzido para o Hospital Regional Tarcísio Maia, onde permaneceu sem alteração, até a tarde de ontem, 26 de junho.

Segundo informações recebidas pelo Câmera, Elivanaldo Gomes chegou a ser preso por uma tentativa de homicídio. Ele teria dado umas facadas num desafeto e quando o camarada foi socorrido, ele foi tentar terminar o serviço dentro do hospital Tarcísio Maia. Ele também era suspeito de jogar o próprio irmão dentro de um fosso do elevador de um hospital abandonado no bairro Santo Antônio no ano de 2017.

Nenhum comentário

Comentar