Homicidios no RN

Policial civil é morto a tiros na Grande Natal

Crime aconteceu na noite desta terça-feira (30 de abril) próximo ao viaduto de Emaús, em Parnamirim.

Um agente investigativo da Polícia Civil potiguar foi morto a tiros na noite desta terça-feira (30 de abril) próximo ao viaduto de Emaús, na marginal da BR-101, em Parnamirim, na Grande Natal.

André Severiano da Silva, de 45 anos, foi encontrado morto ao lado do carro dele, um Fox de cor branca, e estava com o distintivo no pescoço. Ainda não há pistas dos criminosos. Ele foi o sétimo agente de segurança pública morto no Rio Grande do Norte em 2019. Em 2018, foram 26 agentes mortos.

Veja lista dos agentes de segurança pública mortos no RN em 2019

André Severiano trabalhava na 2ª DP de Parnamirim. Ele levou vários tiros. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso. Não estão descartadas a possibilidade de execução nem de latrocínio (roubo seguido de morte). A arma do policial não foi encontrada.

Pesar

A Polícia Civil lamentou a morte do policial. Abaixo, leia a íntegra da nota enviada à imprensa nesta manhã:

É com muito pesar que a Polícia Civil do Rio Grande do Norte vem por meio desta nota informar o falecimento do agente de Polícia Civil, André Severiano da Silva, 45 anos, morto de forma covarde na noite desta terça-feira (30), no bairro de Emaús, em Parnamirim.

Neste momento de dor e perda, nós que fazemos a Polícia Civil do RN enviamos as sinceras condolências para os familiares do policial André Severiano, considerado pelos companheiros de trabalho como um policial dedicado no exercício de suas funções. Durante 13 anos de trabalho na Polícia Civil, exerceu suas atividades em unidades como a Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) e estava lotado atualmente na 2ª. Delegacia de Polícia Civil de Parnamirim. A instituição perde um policial que sempre se esforçou em prol da segurança e do bem comum.

A Polícia Civil cumprirá seu papel investigativo, buscando identificar e prender os responsáveis pelo crime. Posteriormente, serão divulgadas informações sobre local e horário do velório e sepultamento.

Sinpol

"Sem dúvida, é uma grande perda. Neste momento de grande dor, nos solidarizamos com todos os familiares e amigos do APC André e desejamos forças para que possam suportar tamanha tristeza", disse Nilton Arruda, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do RN (Sinpol-RN).

Por Anderson Barbosa, G1 RN

Nenhum comentário

Comentar