Noticias do RN

Processo da Operação Rebotalho está mantido em segredo de justiça

RebotalhoO processo da Operação Rebotalho, deflagrada hoje para investigar supostas irregularidades em compra de equipamentos médicos pela Secretaria Municipal de Saúde, será mantido em segredo de justiça devido às investigações ainda estarem em tramitação e para preservar os dados sigilosos dos investigados.

A investigação teve início após notícia de uma suposta montagem e direcionamento de procedimento de dispensa de licitação para compra de respiradores pela Prefeitura Municipal de Natal no ano de 2020, com fornecimento e recebimento de equipamentos sucateados como se fossem seminovos, o que, segundo os investigadores, caracterizaria um sobrepreço dos bens.

Os fatos foram trazidos à Justiça Federal em razão do emprego de verbas federais na compra dos respiradores supostamente sucateados. Diante dos indícios da prática de crimes de peculato e dispensa indevida de licitação, o Juízo da 14ª Vara Federal autorizou diversas diligências que subsidiaram o aprofundamento das investigações e culminaram com o cumprimento de diversas medidas restritivas, mediante a operação hoje desencadeada nesta Capital e em cidades do Estado de Goiás.

Comentar